domingo, 17 de janeiro de 2010

E assim Lucas simplesmente tenta ir ao cinema novamente...

17 de Janeiro de 2010.

O domingo é um dia especialmente ruim, todo exacto domingo é a mesma coisa, os acontecimentos são os mesmos, chiliques agudos de seu pai, tédio mórbido e programas de televisão com um nível de repetição e burrice muito elevados e essas coisas se repetem todas as semanas causando uma forte reação alérgica em Lucas que sabe muito bem que o remédio para sua alergia é estar com Padmé, mas como isso não vem sendo possível nos últimos 2 meses e meio, Lucas tenta se distrair de alguma maneira para fugir da maldição do domingo, e não abatido com a frustração de ter tentado ir ao cinema a exactos 7 dias atrás(flashback), Lucas decide pegar o seu riocard e utiliza-lo em três conduções somando duas horas de viagem e novamente tentar ir ao cinema.

Já no segundo ônibus, Lucas mais optimista envia até um SMS para Padmé relatando o que tinha acontecido no seu inicio de domingo e informando sua feliz ida ao cinema.

Chegando ao shopping, Lucas agora vasto conhecedor de todos os corredores daquele lugar rapidamente vai direto ao andar onde ficam os cinemas, orgulhosamente tira sua carteira de identidade, miseros 8 reais da carteira e pede meia entrada por ser menor de 21, a atendente muito simpática diz: "O cinemark ganhou a causa dessa lei de menores de 21, paga inteira seu bosta.". Lucas sem acreditar naquilo e despreparado pois não havia trago dinheiro para pagar a inteira, pergunta "como assim ganharam?" a atendente o responde "A audiência foi publica e só compareceram 3 pessoas, um tal de Bion, Velma e também um mendigo que apareceu por causa dos petiscos que estavam servindo lá.". Lucas não acreditando nas 2 horas de viagem que tinha feito até ali, fica desamparado e decide voltar a estação de metrô e voltar para casa, até que lembrar que na estação do Largo do Machado a um cinema Severiano Ribeiro bem em frente a estação que até então nunca tinha entrado lá, e ai se vai mais dois metrôs e mais 40 minutos até a estação.

Lucas chega ao cinema Severiano Ribeiro e se depara com um cinema mega moderno, com estrutura Digital e salas stadium, esse cinema era algo de primeiro mundo, tinha até uma aconchegante biblioteca. Lucas entra na fila do caixa e ao olhar na hora percebe que o filme que queria ver havia começado a 5 minutos(igual a semana passada) mas mesmo assim continua e vai até o caixa e pergunta se eles haviam perdido a causa do direito de menores de 21 pagarem meia, a atendente sorridente diz "Sim", Lucas fica feliz e pergunta se ainda dava para ver o filme que tanto ele queria ver, pois provavelmente ainda estaria passando os trailers, a sorridente atendente informa que a apenas dois lugares mas que Lucas só poderia entrar se tivesse acompanhado ou pagando dois ingressos pois eram lugares reservados a casais. E assim mais uma vez Lucas não consegue ver o tão desejado filme. Lucas fica inconsolável e volta para a estação de Metrô, pega o metrô lotado de pessoas vindo da praia, notava-se pelo bronzeado acamaroado da maioria, a areia da praia no piso do Metrô e o cheiro que tinha um leve toque de farofa, cerveja refogada, mas um odor extremamente necessário para o ambiente ali faltava e era o de desodorante.

Logo um grupo denominado de "Os Farofeiros" com suas líricas vozes começam a cantar algo que eles denominavam "Pagofunk", esse era um mix que fez Lucas pensar como iria contar isso tudo a Padmé sem que ela começasse a rir enlouquecidamente dele e do dia Dejavú do nosso jovem herói.

quarta-feira, 13 de janeiro de 2010

E assim foi uma simples ida ao cinema.

Primeiro pensamento de Lucas no dia 10 de Janeiro de 2010: "Que dia inútil."

Ao acordar muita coisa lhe incomodava: Calor, pessoas por perto que queria longe, pessoas que quer por perto estão longe, saudade, carência, fome, vontade de urinar e pensar que esse seria mais um dia vazio de clima tedioso.

Lucas, pretende fazer algo diferente, sair, ir ao Cinema, mas sentia tanta falta de Padmé que se fosse ao cinema e tivesse cenas românticas ou visse um casal se beijando perto da escada rolante capaz de começar chorar. Lucas decide arriscar e ir ao cinema, passar algumas horas em um lugar para tentar fugir dos pensamentos que lhe perseguem ferozmente. Lucas põe um roupa "mais ou menos", põe o seu all-star e decide ir no possível melhor cinema da região que fica a duas horas de sua casa.

Lucas pega o ônibus. Um senhor sentado na frente de Lucas carrega uma galinha dentro do ônibus, Fátima era o nome dela, estava quietinha, parecia estar passando mal, quando derrepente cacareja e de sua coaclá sai um ovo que cai no piso do ônibus e com o calor frita ali mesmo, assustado com a "cena" Lucas percebe que o aquecimento global está assim como Deus em todas as coisas e lugares e foi nisso que Lucas pensou no ônibus seguinte e no metrô até chegar ao Shopping onde lá estava o tão desejado cinema. Ao entrar no Shopping automaticamente Lucas para de pensar em como pode mudar o Mundo para pensar apenas em consumir mesmo sem ter dinheiro.

Após 73 minutos de procura, Lucas acha o cinema do Shopping com suas 8 salas stadium possuindo mais de 2.000 lugares. Ao chegar no caixa para comprar o ingresso percebe que o filme que queria ver tinha começado a 1 minuto e estava LOTADO. 2.000 lugares e está lotado foi o que ele pensou e a seguir tenta decidir se vê um filme da XUXA tentando ser uma princesa ao 63 anos ou o filme de 3 matutas esquilos cantores que tentam consiliar familia com a fama e resistir ao poder das drogas, as novas tendências musicais(EMO) e aos assédio. Após nenhuma resistência de seus pensamentos decide ir embora, perto da saída ele passa por uma loja Riassuelo, compra uma camisa de cor vinho, por achar que Padmé gostaria de -lo vestindo uma outra cor que não fosse preto(mas Lucas estava deveras enganado, mas isso conto depois ou talvez não.).

Ao sair do shopping, imediatamente Lucas fica deprimido por ver tantos carros emitindo CO² em nossa atmosfera.

domingo, 27 de dezembro de 2009

E assim a adimiração e amor por padmé dobrou de tamanho...

12:00 de 11 de Março de 1989.

Nasce Lucas, seu signo é peixes, indicando uma forte tendência a ser uma pessoa: Ansiosa, emotiva, insatisfeita, indiferente, inseguro, pessimista, critica, complicada, confusa, tímida, medrosa, sofredora, temperamental, isolada, desligada. E isso é verdade, mas piscianos são mais conhecidos por suas qualidades do que defeitos. Mas especialmente hoje sejamos pessimistas caros amigos leitores.

4:02 de 28 de Dezembro de 2009.

Lucas não consegue dormir, pois estava muito pensativo a respeito de Padmé. Lucas sabia que ela estava triste e isso lhe afetava(Emotivo) o deixando com milhares de pensamentos(confuso) e acaba afetando seu sono(Ansioso) além de compartilhar da mesma triztesa(sofredor) que a dela. Lucas liga o seu computador e resolve colocar seus pensamentos em ordem escrevendo um texto para Padmé. Sultão seu cachorro de estimação que sem duvidas era um dos seres vivos que ela mais amava faleceu a dois dias, ela estava trabalhando em algo temporário em regime de semi-escravidão o que acarretou alguns problemas de saúde para Padmé e isso ela tem enfrentado sozinha. Lucas se sente extremamente impotente(inseguro) por não conseguir fazer nada para ajuda-lá e ja faz mais de um mês que eles não se vêem, Lucas abre a pasta de músicas e coloca "Elephant Gun" para tocar repetidamente. Lucas começa a bolar seu texto, a alinhar seus pensamentos e criar algo linear para escrever. Pensando em tudo que tem acontecido a Padmé e sendo tudo de uma vez, sem dar um pequeno intervalo que seja para ela poder respirar, logo Lucas percebe que nunca havia visto algo tão surpreendente por perceber a maneira que ela vem encarando tudo isso que tem passado e percebendo que mulher maravilhosa ela é, confirmando o que já tinha certeza, a certeza de que a amava de forma mais intensa e mesmo sem a ver por muito tempo esse sentimento não parava de crescer e de se misturar com a admiração que sentia.
Padmé realmente é uma mulher extraordinária, em uma vida passada deve ter sido uma grande revolucionária, pode ter sido um dos 18 do Forte de Copacabana ou lutado ao lado de Che Guevara.

Lucas após perceber que sua vida obviamente não seria nada sem a presença de Padmé, que todas as decisões que o fizeram estar com ela hoje, por mais que no primeiro momento pareciam ser ruins, hoje Lucas consegue entender que tudo faz parte de um grande plano, que as coisas vão melhorar, tudo isso que está acontecendo de ruim vai passar e logo estarão no conforto do abraço um do outro.

Ele não sabe se Padmé irá gostar ou não do que escreveu e isso o incomoda um pouco(inseguro) só que agora seus pensamentos anteriores estão melhor organizados, ainda estão em sua mente só que mais comportados.

Lucas termina seu texto com três palavras e envia para o e-mail de Padmé.



EU TE AMO.

sexta-feira, 4 de dezembro de 2009

E assim Lucas fica feliz...

Noite, 10 de Janeiro de 2015.

Lucas, está a correr pelas ruas de Nova Iguaçu, ao atravessar uma pista da Via Light, avista do outro lado uma espécie de Robô, algo que lembrava o T-800 mas sem aquela pele orgânica do parrudo Arnold Schwarzenegger e sim o esqueleto de metal, mas ao olhar para a cabeça do robô, Lucas vê o rosto de Agamse Kluh. Assim que o cérebro de Lucas reconhece tal pessoa, um ônibus da linha São José com destino a Pavuna o atropela de forma épica, uma cena lírica jamais vista em um filme de Spilberg. O motorista do ônibus o socorre, levando-o rapidamente para a emergência do Hospital da Posse, Lucas com duas costelas quebradas, fratura exposta no dedinho da mão esquerda e com o pé quebrado ao meio(que é algo nunca visto antes.) O médico João Lindberg lhe aplica um terço da anestesia do que normalmente daria por falta de verba, dois minutos depois é diagnosticado que lucas está com Cachumba, recebe alta e ganha uma bala "Juquinha" dada pelo Médico.

Lucas vai para casa feliz por ter ganho um presente.

segunda-feira, 7 de setembro de 2009

E assim Lucas começou a correr...

Tarde de 3 de Outubro de 2014.

Lucas acabará de filmar um curta metragem chamado "O que vai ser?"(em breve), durante as filmagens que duraram exactas 23 horas, 11 minutos e 53 segundos, tempo esse que foi divido em 4 dias, Lucas se empanturrava de 1/2 kilo de sorvete, 4 barras de chocolate e muitos m&m's por causa de sua ansiedade. Consequentemente Lucas engorda alguns quilos e agora após as filmagens percebendo isso, Lucas só tem uma coisa na cabeça, Exercício!

Noite, 24 de Dezembro de 2014.

Lucas, está a correr nas Ruas do Centro de Nova Iguaçu.
Lucas havia percorrido 2km, mas hoje ele decidiu que não percorreria menos de 6Km, acostumado a correr apenas 2km essa mudança no seu destino lhe trouxe uma leva de pensamentos soltos, todos esses pensamentos lhe distraia, coisas bobas do tipo: Será que Padmé respondeu minha mensagem no orkut?, porque essa rua parece ser maior do que eu imaginava, porque meu porquinho da Indía não gosta de carinho e a minha jabuti que nem é fofinha adora carinho?, Será que devo fazer um blog de contos? e mais uma infinidade de pensamentos de grande maioria inúteis. Lucas passa na frente do maior prédio de Nova Iguaçu, quando Agamse Kluh se joga do 28° andar em uma queda de 102 km/h, Agamse resvala no calcanhar de Lucas o derrubando, Lucas se levanta e diz: Olha por onde anda porra. inexplicavelmente a velha ainda vive o responde: feliz natal! (O som é abafado que sua cara deveria estar no subsolo após atravessar algumas a grossa camada de concreto da calçada.). Lucas está em seu 4° Km, quando escuta o som da sirene de uma viatura da policia e um dois policiais dentro da viatura fala: Encosta malandro. Lucas sem entender para de correr e espera os policiais irem falar com ele.
- Oh seu bosta, você ta correndo de que?
- Eu só estava correndo, fazendo um cooper é algo que sempre faço.
- Sei.
- E porque ta tão suado? você ta com medo ou fugindo de alguém? ta querendo enganar a gente seu puto?
- Não Seu Policial, que isso!
- Malandro, não fui com a sua cara não, mas realmente não to pensando em perder tempo te levando pro xadrez, se liga, ouviu falar do turbocrashmatrixgiratória 3000?
- Sim, seu poliça.
- então, meu filho quer muito um, libera um troco que te deixo voltar a correr numa boa.
- tenho não moço.
O policial pega o cacetete, na mesma hora ele recebe um chamado no radio dizendo que uma mulher idosa aparentemente se jogou do 28º andar de um prédio.
- Oh "seu bosta", fica ligado, se eu te ver correndo de bobeira é bom você está com um turbocrashmatrixgiratória 3000, ta ligado rapá!
- Feliz natal, policial.
- Você é "Muleque"!
- Fica experto, Fanfarrão.
O policial liga a sirene e vai embora.

Lucas volta para sua casa, 22:30 da noite, vai correndo em direção ao seu computador, para mandar um SMS por um site.

Oi Amor, Hj fui correr,
acntceram algms coisas no cminho,
ms nda d mt interessant,
to mndndo essa mnsgem p dzr boa noit,
te vj amnhã?
teamo e Feliz Natal.

segunda-feira, 15 de junho de 2009

E assim 95% usam Maconha ou usaram...

Noite de 13 de Junho de 2014.

Lucas anda triste pelas ruas geladas e desertas de Nova Iguaçu, faz 2 anos que ele e Padmé terminaram seu relacionamento, desde então Lucas só se relacionou com duas pessoas.
A primeira foi Marie Claire, tinha 24 anos de idade, trabalhava com tele marketing. Lucas vivia pensando como pode tal pessoa usar a boca para falar tão bem e a usava mesma para beijar tão mal, o namoro foi bom nos primeiros 3 dias, no 4º dia como um raio Marie Claire começa a mostrar quem ela realmente era, Marie Claire é uma pessoa Bipolar e se há algo que Lucas não suporta nessa grande esfera azul chamada Terra são pessoas bipolares e com manias estranhas. Marie Clarie era Bipolar e contia uma enorme concentração de manias estranhas, para piorar as coisas ele não consegue esquecer Padmé. 3 semanas, 3 dias, 2horas e 48 minutos após o inicio do namoro com Marie Clarie, Lucas termina o namoro, ela diz que vai se matar, mas Lucas percebe que ela estava fazendo chantagem emocional. 2 dias após o ocorrido o corpo de Marie Clarie é encontrado em seu quarto, tudo indica que ela teria tomado uma grande quantidade de AS Infantil que consequentemente levou a uma overdose.
A segunda foi IáIá, 19 anos, lésbica, morena de cabelos curtos e de alma Hip Hop, se achava totalmente Omnipotente, como se nunca fosse precisar da ajuda de qualquer ser vivo que seja, mas ela se mostrava assim quando estava longe de Lucas e quando IáIá ficava perto de Lucas, ela era totalmente frágil, não parava de beijá-lo e dizia que precisava dele em sua vida, Sua alma Hip Hop havia se tornado uma cintilante alma Kenny G. Resumindo IáIá também era Bipolar. IáIá teve de se mudar para Brasilia para trabalhar em uma Lan House, pelo menos assim Lucas não precisou terminar com ela e assim não correu o risco de acontecer mais alguma morte. E sim, Lucas pensava em Padmé também, mas dessa vez ele aguentou mais tempo com IáIá, pois sabia que Padmé estava namorando. Na verdade ele só namorou IáIá porque Padmé disse que nunca mais voltaria ficar com Lucas.

Lucas cabisbaixo a caminhar pelas Ruas de Nova Iguaçu, passa por uma beco que liga o calçadão a praça da Liberdade, Lucas olha para frente e vê uma luz vermelha no meio das sombras, assustado continua a andar, ao chegar mais perto, Velma sai das sombras e diz " O rapazinho, compra ai pra ajudar a vovó aqui a pagar essa prótese robotizada na minha barriga."
Lucas reconhece Velma, mas acaba ficando comovido com a situação dela e pergunta o que ela vende, ela o responde dizendo que vende a maconha mais pura do Rio de Janeiro e é diferente de todas as outras por que cultiva uma forma híbrida na própria casa.
Lucas vai embora, e no caminho reflete como era incomum uma Idosa vender e cultivar maconha na própria casa.
Com o passar do tempo Lucas foi perguntando aos seus amigos se eles usavam maconha, perguntou a Lê: "Sim, Fumo.", Perguntou a G. Maps: "Sim, ja fumei mas hj em dia prefiro fazer soninho da morte.", perguntou para o Lylo: " Sim, ja fumei mas não quero saber de fazer isso mais não, agora só cheiro.", Perguntou a Elisa:"Sim, é muito bom cara sem contar que ainda me deixa felizz e levemente humidecida.". E assim Lucas continuou a perguntar e perguntar, cada vez mais as respostas variavão entre 3 sins, 2 ja usaram e 1 não.
Lucas foi dormir na casa de João, os dois tinham que fazer um trabalho juntos para entregar ao seu professor de roteiro, Lucas está sentado na frente do computador, João enrola um baseado e pergunta se Lucas fuma, Lucas diz que não, pergunta se tem algum problema, Lucas responde que não e faz uma ultima pergunta "Tá afim?", Lucas diz Não, João acende o baseado e no primeiro trago Lucas percebe que João contrái o corpo e faz movimentos estranhos, Lucas de imediato lembra que as duas unicas vezes que viu algo parecido, a primeira foi 1 minuto antes de uma pessoa ter um ataque epilético e a outra lembrança era de IáIá tendo Multiplos orgasmos.
Lucas entrega o trabalho para o seu professor de roteiro na hora da saida, aproveitando que as pessoas foram embora, ele pergunta ao professor se ele fuma maconha, o professor arregala os olhos e diz "Porque dessa pergunta, Lucas?", Lucas normalmente diz que é um estatistica que ele estava fazendo e reve-la que 94% das pessoas que fazem parte do seu circulo de amizades fumam ou ja fumaram maconha, o professor lhe responde dizendo, cara eu até uso sim, mas muito raramente, só em ocasiões especiais, mas na verdade maconha é só pop-style, nem da tanta onda assim como todo mundo diz é só mais uma coisa que parece ser legal em alguns filmes e pronto, não tem nada demais. Lucas sai da sala e acrescenta mais um numero a sua porcentagem.

2 dias depois, noite fria em Nova Iguaçu.

Padmé termina o namoro com Bones em pleno Calçadão, triste Padmé passa pelo beco escuro que liga o calçadão com a praça da Liberdade, lá ela encontra Velma querendo lhe vender maconha, mas Padmé nem da atenção, mais a frente policiais com cassetetes em punho passam por Padmé e vão em direção a Velma que tenta correr, mas um policial diz "Toma isso velha safada" e taca seu cassetete em Velma, acertando-lhe a cabeça dando tempo somente para Velma gritar "Uá" e cair, os policiais partem pra cima e baixam a porrada na coroa, e um deles diz " Você vai vender maconha na cadeia, Dercy.".
Padmé entra no ônibus, abre a janela olha para fora e pensa no beijo que Lucas lhe deu em seu primeiro encontro com ele.

sábado, 30 de maio de 2009

E assim Lucas foi a entrega do Oscar...

Um dia aparentemente no futuro de Lucas..

Lucas de terno, gravata e All Star acorda em um campo de margaridas, Lucas ao levantar estranha o forte cheiro de vomito no ambiente que logo é substituído pela fragancia de margarida e a musica One(Metallica) que toca extremamente alta como uma trilha sonora, ao olhar para o lado Lucas vê Padmé, sua melhor amiga vestindo um lindo vestido azul em cima do tapete vermelho aguardando Lucas, Lucas muito feliz abraça Padmé, ao andar pelo tapete vermelho Lucas vê Quentim Tarantino, S. Spielberg, George Lucas, M. Scorcese entre outros que ali estão. Lucas entra no teatro e logo procura um lugar para sentar assim como fez todas as vezes que foi ao cinema para ver um filme e enquanto assistia sonhava com o dia que faria um filme bom o suficiente para viajar o mundo exibindo-o ao lado de Padmé. A hora da entrega do Oscar para melhor filme curta metragem é anunciado por Jean-Pierre Jeunet ao som do solo de One(Metallica) diz: "And Oscar go's to: Materno by Lucas Lopes.". Lucas e Padmé que segura o Oscar de Lucas andam felizes pelo corredor do hotel, Padmé entrega o Oscar para Lucas e entra no quarto 1137 e Lucas abre a porta do quarto 1138, One(Metallica) acaba, Lucas entra no quarto, começa a tocar Disciple(Slayer), Lucas fecha a porta do quarto e depara-se com Sofia Coppola despida em cima da cama, Lucas fica tremulo, ela começa a dizer coisas do tipo " Venha a meu encontro Bill Murray, me Chame de Maria Antonieta, me chame até de Virgem suicida se quiser.". Lucas vai em direção a ela quando sente um tapa na cara mas não a ninguem em seu redor além de Sofia que está deitada na cama, o Oscar some de sua mão, sente outro tapa, as Sofia desaparece do quarto e as luzes se apagam criando assim um ambiente de total escuridão.

11 de Setembro de 2001 as 03:30:33 da manhã

Lucas leva mais um tapa e acorda no meio de uma festa ao som de Disciple(Slayer), há algumas pessoas ao seu redor e um amigo que lhe da um tapa na cara e diz: Acorda porra, ta doidão Viado?
Lucas percebe que tudo não passava de um sonho após ter desmaiado no meio da festa.
Lucas fica envergonhado pois aquilo nunca havia acontecido com ele, Lucas acaba por decidir em ir embora. A caminha da praça Lucas passa na frente de um bar, no bar Velma está no balcão e pede uma dose de 51 olha para fora e vê Lucas passando, bebe a dose de 51 de uma vez e bate o copo no balcão, levanta e vai atrás de Lucas que acabará de passar na frente do estabelecimento.